Linha Laranja deve ficar pronta entre 2018 e 2020

Com 15,9 km de comprimento e 15 estações, a Linha 6-Laranja do Metrô - ou "linha das universidades", entre Brasilândia, na zona norte, e Estação São Joaquim, na região central, deve ficar pronta entre 2018 e 2020 e consumir cerca de R$ 7,8 bilhões.

O Estado de S.Paulo

14 de fevereiro de 2013 | 02h02

O ramal, que vem sendo prometido pelo governo do Estado há alguns anos, já enfrentou problemas com relação à localização de suas estações.

Em 2011, moradores de Higienópolis, na região central, reclamaram da Estação Angélica na esquina da Rua Sergipe. Tempos depois, o Metrô mudou a localização. A empresa negou que a decisão tenha sido motivada por queixa de vizinhos. No mês passado, moradores da zona norte pediram que a Estação Brasilândia fique 150 metros à frente do projeto original, para evitar grande número de desapropriações. /C.V.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.