Linha 15-Prata do Metrô de São Paulo ficará paralisada ao longo desta terça-feira

Linha 15-Prata do Metrô de São Paulo ficará paralisada ao longo desta terça-feira

As estações localizadas entre Vila Prudente e São Mateus permanecerão fechadas até as 16 horas

Júnior Moreira Bordalo, O Estado de S.Paulo

02 de novembro de 2021 | 05h37

A linha 15-Prata do Metrô de São Paulo ficará paralisada ao longo do dia desta terça-feira, 2, feriado do Dia de Finados. O trecho que possui 10 estações, ligando Vila Prudente até São Matheus, permanecerá de portões cerrados das 04h40 às 16h.

Conforme a Companhia do Metropolitano de São Paulo (CPTM), a interrupção acontecerá para testes no sistema de controle de trens. Ainda de acordo com a organização, ônibus gratuitos atenderão os passageiros na localidade. 

A linha 15-Prata foi a primeira em São Paulo a operar pelo modal de monotrilho e compreende as seguintes estações: São Mateus, Fazenda da Juta, Sapopemba, Jardim Planalto, Vila União, Vila Toistói, Camilo Haddad, São Lucas, Oratório e Vila Prudente. Ela faz integração com a linha 2-Verde, que engloba Vila Pudente até Vila Madalena.

Além disso, a linha é conectada ao Corredor Metropolitano de Ônibus A, ligando São Mateus a Jabaquara. O Estadão tentou contato com a CPTM para mais informações sobre a paralisação, mas não obteve retorno até o fechamento da nota. 

Na última semana, as linhas 3-Vermelha e 1-Azul do Metrô de São Paulo operaram com lentidão. O problema, segundo informou a companhia, teve origem no roubo de cabos do sistema que fornece energia às composições. Filas e aglomerações nas estações foram formadas nas estações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.