Limite na Castelo Branco cai de 120 km/h para 100 km/h

A partir de hoje, o limite de velocidade para veículos de passeio nas marginais da Rodovia Castelo Branco (SP-280) em um trecho de dez quilômetros entre Osasco e Barueri será reduzido em 20 km/h. As faixas nos dois sentidos da via, entre o km 13 e o km 23, terão velocidade máxima de 100 km/h para carros e motos. Para veículos pesados (caminhões e ônibus), será mantido o limite de 90 km/h.

O Estado de S.Paulo

28 de janeiro de 2012 | 03h05

Com isso, a velocidade no trecho será a mesma já praticada nas pistas expressas da Castelo. A CCR ViaOeste - concessionária responsável pela rodovia - afirma que os motoristas serão comunicados sobre a alteração do limite de velocidade por meio de faixas e painéis de mensagem.

A mudança deve dar mais segurança a um trajeto que tem cada vez mais tráfego de veículos. A necessidade da redução da velocidade foi constatada em um a pesquisa do Departamento de Estradas de Rodagem de São Paulo (DER-SP) com a participação da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), Polícia Militar Rodoviária e CCR ViaOeste.

Segundo o estudo, as vias marginais da Castelo Branco têm acessos diretos para o sistema viário das cidades ao redor, além de pontos de parada de ônibus. Outro fator que contribui para o trânsito complicado na região é a intersecção com outras vias importantes. No km 18,5, por exemplo, está a saída para o Trecho Oeste no Rodoanel.

Segundo a CCR ViaOeste, a medida complementa outras ações já em prática na via, como a fiscalização policial por câmeras. A concessionária afirma que as imagens possibilitaram a redução da quantidade de acidentes (em 7%) e mortes (em 30%) no Sistema Castelo-Raposo no ano passado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.