Liberdade vai receber novas luminárias

Deterioradas por falta de manutenção, 200 das 427 peças típicas serão trocadas até dezembro

FELIPE TAU / JORNAL DA TARDE, O Estado de S.Paulo

18 de junho de 2012 | 03h04

Símbolo da cultura japonesa, as luminárias suzuranto começaram a ser trocadas neste mês no bairro da Liberdade, no centro da capital. A maioria das unidades está deteriorada, com postes amassados, lâmpadas faltando, globos encardidos ou quebrados. O Departamento de Iluminação Pública (Ilume) da Prefeitura já começou a fazer as substituições e pretende trocar 200 das 427 unidades existentes até o fim do ano. Até agosto, serão trocadas as 100 unidades em pior estado de conservação.

Todo o conjunto das luminárias será substituído, o que inclui o poste de aço, os três globos de plástico e o suporte dos globos (cangas). As lâmpadas de todas as 427 suzurantos também serão trocadas: saem as de vapor de sódio, amarelas, e entram as de vapor metálico, brancas, semelhantes às que existem na Avenida Paulista. As novas lâmpadas gastam menos energia elétrica e iluminam três vezes mais.

"Estávamos precisando. Tem ruas em que dava medo de sair à noite, por causa de roubo", disse a pensionista Maria Monteiro, de 62 anos, que mora no bairro há 30. Segundo o Instituto Paulo Kobayashi (IPK), um dos que pressionaram a Prefeitura para trocar as luminárias, a falta de iluminação nas ruas é uma das principais reclamações dos moradores. Agora, o IPK pretende pedir à Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) mais restrições à circulação de veículos pesados na Liberdade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.