Liberação dos corpos ainda deve demorar 15 dias

Como todos os corpos foram carbonizados na explosão que ocorreu no momento da queda, o processo de identificação deve ser lento. Profissionais do Instituto de Criminalística (IC) já recolheram amostras de DNA de familiares das vítimas. No Hotel Atlante Plaza, parentes se reuniram ontem com o gestor do IC, Francisco Sarmento. A previsão é de que a identificação e liberação dos corpos sejam feitas em um prazo de 15 dias.

Angela Lacerda, O Estado de S.Paulo

14 Julho 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.