Leilão de pertences de Clodovil arrecada cerca de R$ 370 mil

500 pessoas estiveram presentes na arrematação e e foram vendidos 158 peças

13 Abril 2012 | 11h32

São Paulo, 13 - O leilão de bens do estilista e ex-deputado federal Clodovil Hernandes, realizado na noite desta quarta-feira, 12, no Jardim Paulista, zona sul de São Paulo, arrecadou cerca de R$ 370 mil, de acordo com estimativa do proprietário e organizador do evento, Ulisses Barbosa da Silva.

O leilão, que foi aberto ao grande público, começou pontualmente às 21 horas da quarta-feira, no número 878 da Alameda Lorena, no Jardim Paulista, bairro nobre da capital paulista."Foram cerca de 500 pessoas presentes na arrematação e foram vendidos 158 peças, além dos cinco lotes extras que não estavam no catálogo", conta Silva.

Entre os pertences do estilista, conta o organizador, o mais esperado era a gravata borboleta de brilhantes e ouro branco. Ainda houveram outros artigos que se destacaram na noite, como o baú da marca Louis Vuitton e o piano do ex-deputado.

O leilão terminou por volta das 2h, segundo o organizador do evento, e "foi um sucesso, não houve problema para realização e todos os objetos do Clodovil foram muito bem vendidos", finaliza Ulisses da Silva.

Mais conteúdo sobre:
leilãoclodovil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.