Latrocínios crescem 55% na cidade de SP em abril

Foram 14 casos, ante 9 no mesmo mês do ano passado; em todo o Estado, crescimento foi de 9%

Bruno Ribeiro - O Estado de S. Paulo ,

24 Maio 2013 | 13h23

Texto corrigido às 14h50.

SÃO PAULO - Os casos de latrocínio (roubo seguido de morte) cresceram 55% em abril deste ano na capital paulista, em relação ao mesmo mês do ano passado – foram 14 registros, ante 9. No Estado, o total em abril foi de 36 latrocínios, ante 33 no mesmo período de 2012, um aumento de 9%. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira, 24, pela Secretaria de Estado da Segurança Pública.

Já os casos de homicídios dolosos registraram queda de 7,7% na cidade de São Paulo: foram 103 em abril de 2012 e 95 no mês passado. No Estado, a queda foi de 4,2%  – de 379 para 363 ocorrências.

Os roubos registraram aumento no mês passado, segundo balanço do governo do Estado. Na capital paulista, a alta foi de 8,2%, com mais de 10,3 mil registros. Em abril de 2012, foram 9.600 casos. Em todo o Estado, os casos de roubo cresceram 4,6% – saltaram de 20,4 mil casos em abril de 2012 para 21,3 mil registros no último mês. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.