Divulgação/ Bombeiros
Divulgação/ Bombeiros

Ladrões roubam carreta, batem em carros e causam morte em Jundiaí

Motorista de carro jogado contra muro e poste faleceu na hora

Ivan Marcos Machado, Especial para o Estado

25 Março 2017 | 10h41

JUNDIAÍ - Uma quadrilha roubou uma carreta Scania na Via Anhanguera, em Jundiaí, na tarde de sexta-feira, 24, e na fuga usaram a carreta para bater em vários veículos para fugir de cerco policial. Na avenida Humberto Cereser bateram em um Kadett. O veículo foi contra um poste e um muro. O motorista do carro, Antônio Coriolano de Oliveira Peixoto, de 62 anos, morreu na hora.

O motorista ladrão da carreta ainda bateu em vários carros em frente de uma escola infantil. Em um dos veículos havia seis crianças que ficaram feridas levemente. Elas foram socorridas ao Hospital Universitário de Jundiaí. Ainda na fuga o assaltante bateu a carreta Scânia contra uma casa. Ninguém do imóvel saiu ferido, na avenida Francisco Copelli, no Jundiaí-Mirim.

De acordo com o Tático Ostensivo Rodoviário (TOR), testemunhas afirmaram que o roubo da carreta foi realizado por uma quadrilha em um Civic preto. Ao bater o caminhão na residência, o motorista ladrão entrou em um Civic preto, tomando rumo ignorado.

As rodovias João Cereser e Constâncio Cintra ficaram horas congestionadas devido essa ocorrência. Os bandidos conseguiram fugir.

 

Mais conteúdo sobre:
São PauloJundiaíSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.