Ladrão mata balconista em farmácia

A balconista Maria Tatiana Barros de Oliveira, de 21 anos, foi assassinada com um tiro na nuca, por volta das 15 horas de segunda-feira, durante um assalto à farmácia onde trabalhava, na Rua Aragoiânia, na Vila Barros, em Guarulhos, na Grande São Paulo.

O Estado de S.Paulo

12 Outubro 2011 | 03h02

Dois bandidos, passando-se por clientes, entraram na drogaria e, após fingirem estar interessados em algum produto, sacaram as armas e anunciaram o assalto. Um deles foi até o escritório do estabelecimento e voltou com cerca de R$ 25 mil; o outro manteve Tatiana refém até que o comparsa retornasse.

Antes de fugir, um dos criminosos atirou contra a cabeça da vítima. Mesmo encaminhada para o Hospital Geral de Guarulhos (HGG), a jovem não resistiu e morreu por volta das 19 horas. Policiais Militares da 4.ª Companhia do 15.º Batalhão foram acionados, mas não detiveram nenhum suspeito.

A polícia requisitou as imagens do circuito interno da farmácia para tentar identificar e prender os bandidos. O caso foi registrado no 6.º Distrito Policial, do Jardim Bom Clima. /RICARDO VALOTA

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.