Justiça manda soltar homem que roubou pinga de R$ 1,50

Catador de papel foi preso em julho de 2007 porque teria ingerido a bebida no interior de um supermercado

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

12 de fevereiro de 2008 | 13h39

A Justiça de São Paulo expediu na segunda-feira, 11, o alvará de soltura do catador de papel acusado de tentar furtar uma garrafa de pinga, no valor de R$ 1,50, na zona sul da Capital.   Reginaldo Pereira da Silva foi preso em julho de 2007 porque teria ingerido a bebida no interior de um supermercado na avenida Santo Amaro, na zona sul de São Paulo.   O alvará, de acordo com o Tribunal de Justiça, foi enviado na segunda, 11, ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Osasco, na Grande São Paulo, onde Reginaldo está preso.   De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), até às 13h30 desta terça-feira, 12, ainda não havia informações sobre a soltura do preso ou se o CDP já havia recebido o documento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.