Justiça do RJ condena israelense a 13 anos

A 3.ª Vara Federal Criminal do Rio condenou o israelense Yoram El Al, de 41 anos, a 13 anos e 6 meses de reclusão e 1 ano e 2 meses de detenção por formação de quadrilha armada, entre outros crimes. Yoram foi preso em 2010 pela Polícia Federal, em ação contra quadrilha envolvida com jogo do bicho, caça-níqueis e importação ilegal de carros de luxo. A defesa de Yoram disse que já recorreu da condenação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.