Júri absolve mulher que matou agressor do filho

JUSTIÇA

, O Estado de S.Paulo

21 de outubro de 2010 | 00h00

O Tribunal do Júri de São Carlos (SP) absolveu anteontem a dona de casa Maria do Carmo Ghislotti, acusada de matar, em fevereiro de 2006, um menino de 15 anos acusado de abusar sexualmente de seu filho de 3. O crime aconteceu na Delegacia de Defesa da Mulher. Em novembro de 2006, o Tribunal do Júri havia absolvido Maria, mas o Ministério Público recorreu. O Tribunal de Justiça de São Paulo determinou então novo julgamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.