Juiz e duas crianças são baleados ao desviar de blitz da Polícia Civil

RIO

, O Estado de S.Paulo

04 de outubro de 2010 | 00h00

O juiz trabalhista Marcelo Alexandrino da Costa Santos, de 39 anos, seguia com a mulher, a enteada de 8 anos e o filho de 11 na Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá, no Rio, sábado à noite, quando tentou desviar de blitz da Polícia Civil por acreditar que era falsa. O carro foi atingido por tiros de fuzil que feriram Santos e as crianças. O estado do menino é grave.

A Corregedoria Interna da Polícia Civil vai investigar. Segundo os policiais, os tiros partiram de outro carro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.