Juiz diz que atirador de shopping de SP é 'inimputável'

Mateus da Costa Meira, de 36 anos - que matou três pessoas a tiros de submetralhadora em uma sala de cinema do MorumbiShopping, em São Paulo, em 1999 -, foi inocentado ontem de uma tentativa de homicídio. O juiz acolheu a tese da defesa, apoiada pela Promotoria, de que Meira é inimputável por sofrer de distúrbios psiquiátricos. Ele foi julgado em Salvador, onde tentou matar um colega de cela. Após a decisão de ontem, o advogado Vivaldo Amaral cogita pedir o fim da pena de 48 anos pelo crime no shopping. / TIAGO DÉCIMO

O Estado de S.Paulo

12 Outubro 2011 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.