Jovens de classe média são presos com LSD

Denúncia anônima levou o Departamento Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Denarc) a fazer uma apreensão recorde de LSD na noite de anteontem em Santos. Foram apreendidas 2 mil unidades de LSD, ecstasy e lança-perfume com Guilherme Villani, de 20 anos, e João Guilherme Ribas, de 22, dois jovens de classe média alta. A droga chegou da Holanda pelo porto.

O Estado de S.Paulo

17 de agosto de 2012 | 03h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.