Jovem reclama de conta e é agredido em boate

Rapaz diz ter levado socos e pontapés dos seguranças de casa noturna depois de se negar a pagar comanda com gastos desconhecidos, no valor de R$ 90

Camila da Silva Bezerra, O Estado de S.Paulo

13 Dezembro 2010 | 00h00

Um analista de sistemas de 25 anos foi agredido na noite de sábado, após uma discussão com seguranças da casa noturna Mokaï, na Rua Augusta, nos Jardins, zona sul. A briga começou por volta das 6h30, quando um grupo de quatro amigos não concordou com a cobrança de uma segunda comanda, no valor de R$ 90. Nenhum funcionário da danceteria se manifestou sobre o caso.

Os amigos pagaram R$ 4.904,49 pelo camarote do clube. A conta foi dividida entre os quatro. Quando o último dos rapazes ia pagar, a casa entregou uma segunda conta, de R$ 90.

O cliente contestou a cobrança. "Para quem já tinha pago mais de R$ 1.300, mais R$ 90 não era nada", disse A.G., que pediu para não ser identificado. Mas o grupo não reconhecia o gasto e exigiu que o clube justificasse a diferença. "Entrei na conversa para defender o meu amigo e, de repente, tomei um soco", disse.

O analista afirmou que não revidou a agressão, mas avisou que chamaria a polícia. Em resposta, o segurança tomou seu celular. O aparelho só foi devolvido após muita insistência. A danceteria não especificou os produtos que foram consumidos na segunda comanda. Depois do soco, um dos amigos quitou o débito.

Pontapés. O pagamento da conta, porém, não pôs fim à situação. Enquanto deixava o local, o analista foi perseguido e voltou a ser agredido. "Pelo menos dois seguranças me deram uma rasteira. Caí no chão e então começaram os chutes e pontapés."

A polícia foi acionada. "Os funcionários disseram que os seguranças já tinham ido embora. Me exaltei e acabei dando um chute na porta do local." O caso foi registrado no 78.º DP (Jardins). O jovem agredido está internado, sem previsão de alta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.