Dário Stecker dos Santos/AE
Dário Stecker dos Santos/AE

Jovem que esperou socorro por três dias recebe alta no interior de São Paulo

Caroline Soares está em repouso em casa e fará acompanhamento após acidente na divisa com MG

Chico Siqueira, O Estado de S.Paulo

14 de fevereiro de 2012 | 18h07

ARAÇATUBA - Depois de 16 dias de internação, a comerciária Caroline Laila Soares, de 19 anos, recebeu alta médica da Santa Casa de Fernandópolis, interior de São Paulo, na segunda-feira. Ela sofreu um acidente na rodovia Elieser Montenegro Magalhães (SP-463), em Populina, e, com ferimentos graves, ficou por duas noites e três dias esperando socorro até ser resgatada na noite de 29 de janeiro de um córrego.

Caroline viajava para visitar um amigo em Jales na noite de 26 de janeiro, quando perdeu o controle do seu carro, um Fiat Uno, que capotou numa ribanceira e caiu num córrego. Agora, ela se recupera em casa, na cidade de Iturama, município mineiro próximo das divisas com São Paulo e Mato Grosso do Sul.

"Ela passou por cirurgia para se recuperar das fraturas nas pernas, está imobilizada e vai ficar em repouso para retornar daqui a duas semanas para avaliação clínica e ortopédica. Seu estado de saúde é estável, ela superou a embolia, os derrames e a anemia, mas ainda continuará tomando anticoagulantes por mais 14 dias e fazendo fisioterapia pulmonar", explicou o médico Edson Betiol.

"Minha filha está de volta, é um alívio para nós. Ela é uma vitoriosa, uma guerreira. Agora vou dedicar minha vida para cuidar dela. Tive muito medo de perdê-la", disse a mãe de Caroline, Fátima de Carvalho Soares, que nos três dias em que Caroline esteve desaparecida, viajou com a família por estradas de São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul a procura da filha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.