Marcio Fernandes/Estadão
Marcio Fernandes/Estadão

Jovem de 17 anos morre após ser atingido por pedrada na Imigrantes

Bando tentou forçar parada de veículos atirando pedras e galhos na rodovia; Reinaldo Lima Júnior foi ferido na cabeça e não resistiu

Felipe Resk, O Estado de S.Paulo

27 Maio 2016 | 10h08

SÃO PAULO - Um jovem morreu após ser atingido por uma pedrada na cabeça em uma tentativa de assalto na Rodovia do Imigrantes, em Cubatão, no litoral sul de São Paulo, na noite desta quinta-feira, 27. Ele dormia no banco do passageiro quando criminosos atiraram pedras e galhos na pista para tentar forçar a parada do veículo.

Segundo a Polícia Militar Rodoviária, uma quadrilha com cerca de dez criminosos atacou os carros que passavam pela Imigrantes, na altura do km 59, sentido litoral. Por volta das 21h50, uma das pedras quebrou o para-brisa de um dos veículos e acertou Reinaldo Lima de Souza Júnior, de 17 anos. 

Ao menos cinco carros foram atingidos, mas nenhum motorista parou. Apesar de não ter concluído o assalto, o bando conseguir fugir antes de os policiais chegarem ao local. Ninguém foi preso até o momento.

Júnior foi socorrido para o Hospital Municipal de Cubatão, mas não resistiu aos ferimentos e morreu cerca de 50 minutos depois. O caso foi registrado na Delegacia de Cubatão.

Inquérito. Em nota, a Secretaria da Segurança Pública informou que a Polícia Civil investiga a morte de um rapaz, ocorrida após a tentativa de assalto, nesta quinta-feira na Rodovia dos Imigrantes. "A Polícia Militar informa que, imediatamente, destinou viaturas ao local, porém, os criminosos fugiram em direção à comunidade da Vila Natal", acrescentou a pasta.

Mais conteúdo sobre:
SÃO PAULO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.