Reprodução/TV Globo
Reprodução/TV Globo

Jovem atropelado por nutricionista na Vila Madalena está em estado grave

Acidente aconteceu na madrugada de sábado; nutricionista não quis fazer teste do bafômetro

Marília Lopes e Priscila Trindade, estadão.com.br

28 Julho 2011 | 10h53

SÃO PAULO - O jovem Vitor Gurman, de 24 anos, continua internado em estado gravíssimo no Hospital das Clínicas, na zona oeste, após ser atropelado na madrugada do último sábado. Ele andava na Rua Natingui, na Vila Madalena, quando foi atropelado por um jipe Land Rover, por volta das 4h. A motorista do veículo, a nutricionista Gabriela Guerrero Pereira, de 28 anos, perdeu o controle da direção, bateu em um muro e o veículo capotou, acertando a vítima que estava na calçada. 

 

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a nutricionista aparentava estar embriagada e se recusou a fazer o teste do bafômetro. Ela foi levada para Instituto Médico Legal (IML) para fazer exame de dosagem alcoólica.

 

Vitor foi levado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas, onde permanece em coma. Em entrevista ao SPTV, da TV Globo, os familiares informaram que o rapaz já sofreu morte cerebral, mas a assessoria do hospital informou que apenas após exames marcados para o fim da tarde será possível confirmar a informação.

 

O namorado da nutricionista, o engenheiro Roberto Lima, de 34 anos, também teve ferimentos e foi encaminhado para o Hospital São Luís, no Morumbi, na zona sul, de onde recebeu alta na terça-feira. O carro era dele. A motorista e o passageiro serão ouvidos nos próximos dias.

 

O advogado de Gabriela afirmou que ainda não conversou com sua cliente sobre o acidente. "Estão todos muito abalados e tenho tentando confortá-los", contou José Luis de Oliveira Lima. "A única coisa que ela me disse, até o momento, é que não estava embriagada, tanto é que foi até o IML fazer os exames."

 

Texto atualizado às 14h.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.