Jovem atacado com taco de beisebol continua na UTI

Agressão ocorreu no final de dezembro em uma unidade da Livaria Cultura em São Paulo, na Av. Paulista

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

12 Janeiro 2010 | 09h54

O designer Henrique de Carvalho Pereira, de 22 anos, ferido na cabeça com um taco de beisebol no último dia 21 de dezembro, continua em estado grave. Ele foi agredido por um desconhecido dentro de uma unidade da Livraria Cultura, no Conjunto Nacional, localizado na Avenida Paulista.

 

Segundo a assessoria do Hospital das Clínicas, onde está internado, o estado de saúde dele é grave, mas estável, e permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital, respirando com auxílio de aparelhos.

 

A agressão aconteceu por volta das 14h15. Sem dizer uma palavra, Alessandre Fernando Aleixo, de 38 anos, usou o taco para golpear o designer na cabeça. A vítima sofreu traumatismo craniano. Aleixo foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio no 78º Distrito Policial (Jardins).

Mais conteúdo sobre:
Agressão São Paulo Livraria Cultura

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.