Jornalista morreu afogado em praia de PE

O jornalista goiano Lucas Fortuna, de 28 anos, cujo corpo foi encontrado anteontem na Praia de Gaibu, em Cabo de Santo Agostinho (PE), morreu por afogamento, segundo informação do Instituto de Medicina Legal divulgada ontem. As condições do corpo e um possível espancamento constarão de laudo médico que será concluído em 15 dias. Ativista gay, Lucas foi a Pernambuco para ser árbitro de um campeonato, pela Federação Goiana de Futebol.

O Estado de S.Paulo

20 de novembro de 2012 | 02h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.