Jornalista Alberto Tamer morre aos 81 anos em São Paulo

Ele trabalhou por mais de 50 anos no 'Estado', onde se destacou na cobertura de assuntos econômicos

O Estado de S. Paulo

19 Maio 2013 | 08h57

SÃO PAULO - O jornalista Alberto Tamer morreu neste domingo, 19, aos 81 anos, em São Paulo, após longo período de convalescença, segundo informou a assessoria Tamer Comunicação. A causa da morte não foi revelada. 

Tamer trabalhou por mais de 50 anos no jornal O Estado de S. Paulo, onde foi editorialista, colunista e se destacou na cobertura de assuntos econômicos. Tamer foi também comentarista e apresentador nas rádios Jovem Pan e Eldorado e nas emissoras de TV SBT, Manchete e Bandeirantes. Em 1994, mudou-se para Paris, de onde enviou matérias especiais para o Estado, sem deixar de escrever sua coluna.

O velório será realizado das 11h às 15h deste domingo no Cemitério do Morumbi, localizado na Rua Deputado Laércio Corte, 468.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.