José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Italiano é esfaqueado no centro de SP depois da Virada Cultural

Vítima foi atacada por grupo de dois homens e duas travestis na Rua Vieira de Carvalho, na República, suspeitos foram presos

Redação, O Estado de S. Paulo

20 de maio de 2019 | 15h23

SÃO PAULO - Um italiano de 28 anos foi esfaqueado após um assalto ocorrido na Rua Vieira de Carvalho, na República, centro de São Paulo, na noite deste domingo, 19, pouco depois do encerramento da Virada Cultural 2019. O rapaz foi atacado por um grupo de cinco pessoas, sendo três homens e duas travestis, que roubaram carteira e celular. Ferido no abdôme, ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para a Santa Casa de Misericórdia, na Santa Cecília, onde recebeu atendimento.

Segundo a Secretaria Estadual da Segurança Pública, a Polícia Militar foi chamada para atender a uma ocorrência de agressão e roubo por volta das 19h. Quando os PMs chegaram, a vítima já estava recebendo cuidados dos bombeiros. Testemunhas deram informações aos agentes, que chegaram à localização dos suspeitos, a quadras dali. 

Os suspeitos foram revistados pelos PMs, que não encontraram os pertences do italiano. Mas, no hospital, ele olhou fotos dos detidos e os reconheceu, o que fez com que os policiais os prendessem em flagrante. A vítima contou que havia uma quinta pessoa no grupo, que não foi localizada.

Os detidos são Francisco Davi Barbosa de de Brito, de 18 anos, Bruno Pavanate Pereira, de 20, Aujean de Sousa Menezes, de 21 e Elias Moreira da Costa, de 23. Todos foram presos em flagrante por roubo e levados até o 2º Distrito Policial (Bom Retiro) e passariam nesta segunda-feira por audiência de custódia no Fórum da Barra Funda, na zona oeste. 

Tudo o que sabemos sobre:
Virada Culturalassalto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.