Investigação interna vai durar mais 20 dias

A Câmara Municipal de São Paulo prorrogou o prazo para divulgação do resultado da sindicância aberta para apurar fraudes na marcação da presença em plenário. A averiguação, que deveria ter sido encerrada ontem, foi estendida por 20 dias. A expectativa agora é de que os trabalhos terminem em 13 de agosto. Segundo a Câmara, a mudança ocorreu porque há funcionários em férias. A fraude foi revelada pelo Estado em uma série de reportagens publicadas no início do mês. Funcionários da mesa marcavam presença para parlamentares ausentes a partir de um terminal que deveria ser usado apenas pelos vereadores.

O Estado de S.Paulo

24 Julho 2012 | 03h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.