Gilberto Amendola
Gilberto Amendola

Interdição da alça de acesso à Dutra causa lentidão no trânsito

Trânsito começa a partir da Ponte das Bandeiras e se agrava nas proximidades da ponte da Vila Maria

Gilberto Amendola, O Estado de S.Paulo

24 de janeiro de 2019 | 07h32
Atualizado 24 de janeiro de 2019 | 12h35

A interdição da alca de acesso da pista expressa da Marginal Tietê para a pista expressa da Rodovia Presidente Dutra, na zona norte de São Paulo, já causa reflexos no trânsito da cidade.

Na manhã desta quinta-feira, 24, os pontos de lentidão começam a partir da Ponte das Bandeiras e se agravam nas proximidades da Ponte da Vila Maria. A interdição também causa lentidao na Avenida Salim Farah Maluf, que tem sido usada como acesso à Dutra.

Apesar da interdição, o trânsito ficou abaixo da média histórica para o período, segundo a Companhia de Engenharia do Tráfego (CET). Às 10h30 havia 61 quilômetros de lentidão. A média varia entre 62 km e 94 km. 

 A expectativa da CET é que a situação se complique no horário de pico da tarde, a partir das 15 horas, na saída para o feriadão. 

Quem segue para o Aeroporto de Cumbica também ja percebe um tráfego acima do normal. A pista local e central da marginal também sofrem com alguma lentidão.

"Quando soube da interdição, me preparei para sair mais cedo. Ainda assim vou me atrasar. É muito estresse pra quem dirige. Não é possivel que as coisas não tenham manutenção em São Paulo", diz o mecânico Lúcio Barbosa de Araújo, de 27 anos.

Já o autônomo Robson Reis, de 49 anos, foi pego de surpresa."Cheguei de Brasilia hoje. Não conheco a cidade. Estou aqui a trabalho e já tive essa experiência de congestionamento. Parei no posto de gasolina para tentar alguma informação. Não sei como escapar dessa enrascada".

No final da manhã desta quinta, os técnicos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e da Agência Nacional de Transportes Terrestres iniciaram a vistoria da Ponte Presidente Dutra. Os técnicos tiraram fotos de um dos pilares da  estrutura e utilizaram drone para captação de imagens aéreas.

A alça de acesso foi interditada na quarta-feira, 23, após a detecção de danos na estrutura, que passa por cima do Rio Tietê. A Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras apontou o rompimento da viga de apoio da estrutura no pilar junto à margem esquerda do Rio Tietê.

Alternativas

A CET orienta que os motoristas utilizem como alternativa uma segunda ponte, que dá acesso à pista lateral da Dutra. Para poder acessar essa ponte, os veículos devem sair da pista expressa e passar para a central logo após a ponte da Vila Guilherme. Para o motorista que segue para a zona Leste pela pista expressa não há alterações.

Outra alternativa é seguir pela pista local da Marginal Tietê no sentido Ayrton Senna e acessar a pista lateral da Dutra pela Ponte do Tatuapé  - Deputado Ricardo Izar.

Quem segue pela Salim Farah Maluf não encontra interdições. 

A Concessionária CCR NovaDutra tambem abriu um acesso entre as pistas marginal e expressa da rodovia, na altura do km 227, para melhorar a fluidez do tráfego.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.