Instituto abre 'loja da memória'

No próximo sábado, o Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo inaugura, em sua sede, uma lojinha de preciosidades históricas. Estarão à venda desde livros - usados e novos - até itens como porta-moedas e maquetes de ícones da arquitetura paulistana, como a Catedral da Sé, o Edifício Altino Arantes e o prédio do Museu de Arte de São Paulo (Masp). Também estarão disponíveis diversos documentos e publicações do Instituto, digitalizados e arquivados em CD.

EDISON VEIGA, O Estado de S.Paulo

24 de setembro de 2012 | 03h03

"Com isso, pretendemos arrecadar fundos e também trazer público à nossa instituição", explica o arquiteto, urbanista e pesquisador Paulo Rezzutti, coordenador da loja. Essa iniciativa resgata, de certa forma, um antigo sebo que funcionava no Instituto Histórico até 10 anos atrás. "Por causa da carência de funcionários em nossa instituição, eu 'doei' minhas quartas-feiras para ajudar a montar a loja", comenta Rezzutti.

Ainda não estão definidos os horários de funcionamento da loja. O endereço é Rua Benjamin Constant, 158, no centro da cidade. Para mais informações, o telefone é (11) 3242-8064.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.