SERGIO CASTRO/ESTADÃO
SERGIO CASTRO/ESTADÃO

Ingresso para desfile no Anhembi deve acabar no fim de semana

Segundo presidente da Liga das Escolas de Samba, o sábado está praticamente esgotado, enquanto a sexta-feira está 75% vendida 

O Estado de S. Paulo

05 Fevereiro 2015 | 19h39

SÃO PAULO - Quem pretende assistir ao desfile das escolas de samba de São Paulo, mas ainda está sem ingresso, vai ter de correr. Segundo o presidente da Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, Paulo Sérgio Ferreira, o Serginho, os bilhetes para o sábado, 14, estão praticamente esgotados, enquanto a sexta-feira, 14, tem apenas 25% das entradas à disposição.

"Nós temos poucos ingressos de camarotes para a noite de sábado. Estamos esgotados com cadeira, mesa e arquibancada. Para a sexta-feira, chegamos a quase 75% de venda. Restam poucos setores, cadeira e mesa de pista", afirmou. As vendas na internet também foram encerradas. Para comprar entradas é preciso ir até a loja física do Anhembi.


Algumas entradas vendidas pela internet, contudo, podem retornar às bilheterias - caso o espectador não tenha confirmado a compra. "Esse número é pequeno, entre 1% e 3%", disse Serginho. A expectativa da Liga das Escolas de Samba é que todos ingressos restantes sejam vendidos neste fim de semana. "Ano passado tivemos um prejuízo de público por causa da chuva, mas neste ano a previsão é que chegue na lotação máxima."

Esta sexta-feira, 6, é o último dia para pessoas com deficiência solicitarem cadastramento para ingresso com 50% de desconto - que pode ser feito na sede administrativa da SPTuris. A carteirinha precisa ser apresentada na bilheteria na hora da compra.

A estimativa da Prefeitura é que 110 mil espectadores compareçam no Sambódromo, na soma dos públicos do Grupo de Especial e Grupo de Acesso, com  presença cada vez maior de "novatos". Em 2014, 45,5% dos espectadores assistiram ao desfile in loco pela primeira vez.

Transporte. Duas linhas adicionais da São Paulo Transporte (SPTrans) vão atender o público do Sambódromo, com saída nos Terminais Rodoviários Tietê, na zona norte, e Barra Funda, na zona oeste. Os percursos vão ser feitos nos dias dos desfiles (de 13 a 16 de fevereiro e também no dia 20) com tarifa de R$ 3,50.

As vias no entorno do Sambódromo - localizado entre as Pontes das Bandeiras e da Casa Verde e contornado pelas Avenidas Olavo Fontoura e Marginal do Tietê - serão interditadas pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), com acesso apenas para veículos credenciados.

O estacionamento oficial fica no Pavilhão de Exposições do Anhembi, com capacidade para 4 mil veículos. Aos carros, será cobrado R$ 40, enquanto as motos pagam R$ 30. O acesso será feito pela Rua Marechal Leitão de Carvalho (Portões 4 e 5) e será aberto a partir das 14 horas.

Ingressos

Grupo Especial (13 e 14 de fevereiro)

Arquibancada: de R$ 90 a R$ 190

Mesa de Pista (4 lugares): de R$ 1.210 a R$ 2.420

Cadeira de Pista: de R$ 270 a R$ 550

Grupo de Acesso (15 de fevereiro)

Arquibancada: R$ 30

Mesa de Pista (4 lugares): de R$ 80

Cadeira de Pista: de R$ 60

Desfile das Campeãs (20 de fevereiro)

Arquibancada: de R$ 70 a R$ 90

Mesa de Pista (4 lugares): de R$ 610 a R$ 1.210

Cadeira de Pista: de R$ 140 a R$ 280

Obs. Reservas de camarote devem ser feitas pelo telefone (11) 3981.5188

Bilheteria

Endereço: Portão 1 do Anhembi (Avenida Olavo Fontoura, 1209 - Santana)

Horário: 12h às 20h (Segunda a Sexta),10h às 17h (sábado e domingo) e 12h às 5h (dias dos desfiles)

Pagamento: Dinheiro ou cartão de débito

Cadastramento pessoas com deficiência

Sede Administrativa SPTuris

Endereço: Av. Olavo Fontoura, 1209 - acesso pelo Portão 36 do Anhembi

Horário: das 9h às 17h

Documentação necessária: RG e CPF originais, duas fotos 3x4 e laudo médico

Mais conteúdo sobre:
CarnavalSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.