Infraero quer reduzir fiscalização de pistas

AVIAÇÃO

, O Estado de S.Paulo

11 de novembro de 2010 | 00h00

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) solicitou à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) a suspensão temporária da sua obrigação de fazer medições de atrito nas pistas dos aeroportos do País. O pedido foi apresentado na reunião deliberativa da agência, que não tomou nenhuma decisão. O próximo encontro deve ocorrer em 30 dias. As checagens servem para assegurar que o atrito entre a pista e os pneus das aeronaves esteja em um nível aceitável, reduzindo o risco de acidentes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.