Indiciada recepcionista de hotel onde menina foi encontrada morta em SP

Adolescente teve parada cardiorrespiratória e parceiro, de 19 anos, fugiu após avisar administração do local

Estadão.com.br,

31 de janeiro de 2012 | 21h49

SÃO PAULO - A recepcionista do hotel onde uma garota de 14 anos foi encontrada morta na zona leste de São Paulo será indiciada nesta terça-feira, 31. Segundo informou a Secretaria de Segurança Pública (SSP), ela foi indiciada por ter modificado a área do crime.

Marcela Santos Aguiar foi encontrada morta dentro de um hotel na Rua Manoel Ferreira Pires, no Parque Santo Antônio, na madrugada de segunda-feira, 30. Um estudante de 19 anos, que passou a noite com Marcela no quarto do hotel, foi preso por estupro de vulnerável e está sendo investigado.

Segundo funcionários do hotel, os jovens entraram no estabelecimento por volta das 2h40. No início da manhã, o estudante pediu ajuda à recepção, dizendo que Marcela estava passando mal. Os funcionários chamaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e avisaram o suspeito, que fugiu. No Hospital Sapopemba, foi constatado que Marcela morreu devido a uma parada cardiorrespiratória.

De acordo com o delegado titular do 69º Distrito Policial (Teotônio Vilela), Antônio José Pereira, a adolescente entrou no hotel utilizando o RG de outra mulher, maior de idade, que constava como documento extraviado.

Suspeito. Ao ser encontrado pela polícia, o estudante alegou que encontrou a vítima aparentemente alcoolizada. Ela também teria usado lança-perfume. Depois de mater relações sexuais, o estudante percebeu que Marcela não apresentava sinais vitais. Com ele foi apreendida uma trouxinha de maconha.

O estudante foi conduzido para 69º DP, onde o caso foi registrado como morte suspeita, oferecer droga a pessoa de seu relacionamento e estupro de vulnerável consumado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.