Incêndio na cobertura de colecionador destruiu outras três telas valiosas

O incêndio de segunda-feira na cobertura do colecionador Jean Boghici, em Copacabana, zona sul do Rio, destruiu também os quadros A Mulher e o Galgo (1925), de Vicente do Rego Monteiro, O Leitor (1914, foto), de Lasar Segall, e uma pintura do artista uruguaio Joaquín Torres García, de 1931. Na terça-feira, o marchand já havia revelado que o fogo queimou as obras-primas Samba (1925), de Di Cavalcanti, e Floresta Tropical (1938), de Guignard.

O Estado de S.Paulo

16 Agosto 2012 | 03h05

Ontem, porém, um restaurador avaliou que muito do que se imaginava perdido poderá ser restaurado, o que abrange praticamente todo o resto do acervo. Algumas obras estavam protegidas por vidro e outras ficaram apenas cheias de fuligem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.