Incêndio em pensão mata dois e fere um na zona oeste de SP

Homem teve 80% do corpo queimado e segue internado no Hospital das Clínicas; casal foi carbonizado

Ricardo Valota, do estadão.com.br; e Andressa Zanandrea, do Jornal da Tarde,

20 de agosto de 2008 | 06h00

Duas pessoas morreram e uma pessoa ficou gravemente ferida durante um incêndio, por volta das 4 horas desta quarta-feira, 20, em uma pensão localizada na esquina da Rua Bartira com a Rua Cayowaá, em Perdizes, zona oeste da capital paulista. Cinco equipes dos bombeiros foram acionadas e controlaram o fogo rapidamente. Depois de apagarem as chamas, os bombeiros fizeram uma varredura no imóvel e localizaram mais dois corpos, que seriam de um casal. As vítimas, carbonizadas, ainda não foram identificadas. Num dos quartos atingidos pelo fogo dormiam cinco gesseiros, todos do litoral sul paulista. Um deles, identificado como Júlio, 25 anos, morador de São Vicente, teve 80% do corpo queimado e foi encaminhado ao Hospital das Clínicas, onde segue internado. Os demais, que conseguiram deixar rapidamente o quarto através de um alçapão no forro do banheiro, saíram ilesos. Segundo o grupo, Júlio, teria encontrado dificuldades em sair do quarto e, como ficou para trás, mesmo sendo puxado pelos colegas, não conseguiu escapar das chamas. Um dos gesseiros, ao acordar para ir ao banheiro, viu as chamas e acordou os demais. O grupo vem trabalhando em um imóvel localizado na Rua Caiubi e duas vezes por mês viaja para a capital paulista. Ainda não se sabe o que teria iniciado o incêndio. O caso está sendo registrado no 23º Distrito Policial, de Perdizes.

Tudo o que sabemos sobre:
IncêndiofogoPerdizes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.