Incêndio destrói centro de distribuição da Pernambucanas em Barueri

Fogo começou por volta das 19h25 de sábado e só foi contido às 5h de domingo; 52 viaturas chegaram a ir ao local e 14 ainda fazem rescaldo

Felipe Tau, O Estado de S. Paulo

09 de setembro de 2012 | 13h51

SÃO PAULO - Um incêndio de grandes proporções atingiu um centro de distribuição da Pernambucanas na noite de sábado, 8, em Barueri, Grande São Paulo, no bairro de Tamboré, a 36 km da capitão paulista. O fogo começou por volta das 19h25, horário de acionamento do Corpo de Bombeiros, e um total de 52 viaturas de diversas cidades vizinhas foram ao local, mas as chamas só foram controladas por volta das 5h. Uma vítima foi encaminhada ao Pronto Socorro Regional de Cotia com intoxicação e, até as 13h deste domingo, 14 viaturas ainda auxiliavam no trabalho de rescaldo. O estado de saúde do socorrido não foi informado.

De acordo com o capitão Axelson, do Corpo de Bombeiros, uma série de fatores contribuíram para a rápida dispersão das chamas, dificultando o trabalho de contenção. "O material armazenado (nos galpões), à base de espumas e tecidos, a baixa umidade do ar e a alta temperatura no início da noite fizeram com que o incêndio ganhasse uma grande proporção rapidamente", explicou.

O Corpo de Bombeiros não soube informar a área total danificada pelo fogo. O estadão.com.br não conseguiu contato com a assessoria de imprensa da Pernambucanas até o momento.

Mais conteúdo sobre:
incêndiopernambucanasbarueri

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.