Incêndio atinge favela na zona sul de São Paulo

Vinte equipes dos bombeiros combatiam as chamas durante a madrugada; 2 pessoas foram socorridas

Ricardo Valota, do estadao.com.br,

21 de novembro de 2008 | 04h30

Por volta das 6 horas desta sexta-feira, as 21 equipes de bombeiros deslocadas para combater o incêndio na favela Alba, na zona sul da capital paulista, conseguiram controlar o fogo e combatiam apenas alguns focos isolados. Caminhões-pipa da Prefeitura foram solicitados pelos bombeiros. Pelo menos duas pessoas foram atendidas, uma pelos bombeiros e outra pelo SAMU, e cerca de 30 barracos foram atingidos.   As chamas atingiram um dos extremos da favela, localizado na rua Manuel Cherém, trecho pertencente ao Campo Belo. Desesperados, moradores dos barracos ainda não atingidos pelo fogo tentavam retirar o que podiam de suas casas.   Segundo alguns dele, o incêndio teve início no barraco de uma mulher viciada em drogas que normalmente deixa a filha, de cerca de 1 ano, sozinha em casa.   Uma jovem, grávida de 7 meses, por causa do nervoso, entrou em processo de parto e teve de ser levada para o pronto-socorro do Hospital São Paulo. Pessoas que residem na avenida Pedro Bueno, a três quarteirões da favela, minutos após a primeira equipe chegar à favela, conseguiam ver as chamas.   Texto atualizado às 6h50 horas

Tudo o que sabemos sobre:
favelaincêndioSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.