Imigrantes: novos viadutos devem eliminar gargalo

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou ontem a construção de dois viadutos, entre os km 65 e 67 da Rodovia dos Imigrantes, na região de São Vicente, litoral sul.

O Estado de S.Paulo

16 Janeiro 2013 | 02h02

Além de desafogarem o tráfego nas temporadas de verão e nos fins de semana, eles devem proporcionar maior segurança aos motoristas. Hoje, os semáforos da região levam até dois minutos para abrir, tempo suficiente para fazer aumentar o número de assaltos nos cruzamentos que cortam a rodovia.

Durante visita ao Centro de Convenções da Costa da Mata Atlântica, Alckmin explicou que a construção dos dois viadutos eliminará o principal gargalo da Rodovia dos Imigrantes. "O edital já foi lançado e as obras serão realizadas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER)", informou. O investimento previsto é da ordem de R$ 100 milhões.

O viaduto que dará acesso ao sentido norte (São Paulo) será construído entre os km 65,2 e 67,6, enquanto o que seguirá no sentido sul (litoral) será feito entre o km 65,5 e 66,4.

Ambos serão erguidos sobre a Avenida Marechal Rondon e a Rua Paulo Horneaux de Moura, no bairro Cidade Náutica, eliminando o cruzamento com controle de semáforos em seis pontos.

Para a mesma região, o governador anunciou a liberação de R$ 50 milhões para construção de 3,5 quilômetros de pista e de uma ponte sobre o Canal dos Barreiros. A previsão é de que toda a obra esteja concluída em 12 meses. / ZULEIDE DE BARROS, ESPECIAL PARA O ESTADO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.