Idoso sofre acidente em Congonhas e é internado em estado grave

Passageiro da Gol com mobilidade reduzida era transportado quando bateu cabeça após freada brusca

Solange Spigliatti, Central de Notícias

13 Dezembro 2010 | 13h15

SÃO PAULO - O arquiteto Fernando Porto de Vasconcellos, de 71 anos, foi internado no Hospital Santa Paula, na zona sul de São Paulo, em estado grave, após um acidente ocorrido no último sábado, 11, durante o transporte para um terminal no Aeroporto de Congonhas, na zona sul. Vasconcellos desembarcou de um voo da empresa aérea Gol, procedente de Brasília.

 

Segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), o arquiteto, que tem mobilidade reduzida, se feriu durante o deslocamento do ambulift, equipamento da Infraero que garante a mobilidade de cadeirantes ou pessoas com dificuldade de locomoção. Esse procedimento contou com assistência de uma funcionária da empresa aérea.

 

Durante o trajeto até o terminal de passageiros, o ambulift freou bruscamente em decorrência de uma parada repentina de um veículo que seguia à frente pela via de serviço, o que fez com que o passageiro se desequilibrasse, mesmo com a cadeira de rodas travada, batendo a cabeça.

 

A Infraero abriu sindicância para apurar as responsabilidades pelo acidente. Segundo o hospital, a família pediu para que não fossem divulgadas informações sobre o estado de saúde. A Gol, em nota, disse que prestou "o atendimento possível e acompanhou o senhor Fernando durante o atendimento hospitalar, oferecendo assistência ao cliente e familiares". Segundo o comunicado, o transporte por ambulift é um serviço contratado da Infraero.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.