Idosa é hospitalizada após ataque de gato em Sorocaba

Mulher de 65 anos teve cortes nos braços e nas mãos; animal foi apreendido

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

20 Novembro 2013 | 11h57

SOROCABA - A dona de casa Eva Gomes, de 65 anos, precisou ser internada depois de ser atacada por um gato na noite de segunda-feira, 18, em Sorocaba. O gato, que vivia na rua, foi acolhido há mais de um ano pela idosa e, ultimamente, vinha avançando nas pessoas que batiam no portão. Na noite do ataque, o gato tentou arranhar os dois netos da mulher, de 5 e 12 anos, que estavam na casa. Ela tentou apanhar o gato, que investiu contra a dona com unhadas e dentadas.

A idosa sofreu cortes nos braços e nas mãos. Os gritos por socorro atraíram os vizinhos. Socorrida pelo serviço de resgate do Corpo de Bombeiros, ela foi levada ao Hospital Regional e teve de levar pontos nos ferimentos. A vítima recebeu alta nessa terça-feira, 19, e está sob os cuidados de parentes e vizinhos. O gato foi apreendido pelos bombeiros e levado para o Centro de Zoonoses. O animal está isolado e passou por exames por suspeita de raiva. Os resultados ficam prontos em dez dias.

Mais conteúdo sobre:
Sorocabagato

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.