Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão

Ibirapuera e Villa Lobos são parques com mais furtos de bicicleta

Nos cinco primeiros meses do ano, houve 14 ocorrências na área de lazer da zona sul e seis na da zona oeste, aponta a Polícia Civil

Rafael Italiani, O Estado de S. Paulo

20 Julho 2015 | 07h40

SÃO PAULO - Os Parques do Ibirapuera, na zona sul de São Paulo, e o Villa Lobos, na região da Vila Leopoldina, na zona oeste, são as áreas verdes e de lazer da capital onde mais houve registro de furtos de bike entre todos os parques de São Paulo.

Segundo um levantamento com base em dados da Polícia Civil, obtido pela reportagem por meio da Lei de Acesso à Informação, de janeiro até 31 de maio, o Parque do Ibirapuera teve 14 ocorrências de furto de bicicletas, enquanto no Villa Lobos, que pode ser acessado de bike pela ciclovia da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), às margens do Rio Pinheiros, foram registrados seis casos no total, no mesmo período.

No ano passado, a distribuição dos casos ficou mais equilibrada entre as duas unidades. O Ibirapuera fechou o ano com 15 casos e o Villa Lobos com 12. A maior parte dos furtos foi em momentos de distração dos ciclistas, mas também há casos em que as correntes e os cadeados de bikes estacionadas foram estourados por criminosos. Em alguns relatos, as vítimas disseram ter visto os ladrões pedalando nas bicicletas furtadas. Em nenhuma das duas áreas verdes houve registro de assaltos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.