Humor Tutty

Abaixo a liberdade!

Tutty Vasques, O Estado de S.Paulo

28 de outubro de 2010 | 00h00

Fala sério: sei lá o que diz a lei nos países do chamado mundo civilizado, mas tá na cara que tem alguma coisa muito errada no capítulo do Código Eleitoral brasileiro que proíbe prisões sem flagrante delito desde 5 dias antes até 48h depois de todo pleito. Ontem, a polícia do Rio soltou um suspeito que, na véspera, se entregara pelo estupro de 40 mulheres. Para ir em cana, precisará voltar à delegacia na semana que vem ou, então, violentar uma eleitora na boca de urna, diante de um guarda de seção.

Já no primeiro turno, um pagodeiro foragido por jogar mulher e filho pela janela do terceiro andar de um prédio em Guarulhos teve o desplante de convocar uma entrevista coletiva às vésperas do escrutínio. Fantasiou-se de Raul Seixas para dizer que é inocente, como se isso já não fosse, em si um, contrassenso.

O salvo-conduto irrestrito em vigor tem motivação histórica no tempo em que os "coronéis" da política mobilizavam a polícia para intimidar adversários e eleitores. O Brasil, graças a Deus, mudou! Sobrou, daquela época, essa lei sem pé nem cabeça para continuar nos assombrando.

Santa ignorância

Em que mundo vive o alto comando da Disney? Os poderosos-chefões dos estúdios da companhia cortaram a participação especial de Keith Richards em Piratas do Caribe 4 porque descobriram em livro de memórias que o guitarrista do Rolling Stones andou metido com drogas até o pescoço. Eu, hein!

Parou geral

Há 5 meses na Itália, o Imperador Adriano não joga, não vai a baile funk, não briga com namorada, não arruma confusão, não faz nada. Aí tem, né não?!

Volta gradativa

José Serra foi ao Maracanã anteontem, bateu pênalti, fez embaixadinha, mas evitou cabecear a bola. Recomendações médicas!

Próxima manchete

Os jornais já têm assunto garantido para depois das eleições! Com provas do Enem marcadas para os dias 6 e 7 de novembro, já viu, né? Tá na cara que vem por aí alguma lambança das grandes!

Prefeito Netinho

Faltam ainda três dias para acabar o pesadelo dessas eleições. Ou seja, é cedo demais para perder o sono com o olho grande de Netinho de Paula na sucessão de Gilberto Kassab na Prefeitura de São Paulo, em 2012. Relaxa, vai!

Maré baixa

O nível do Rio Negro, no Amazonas, está mais ou menos regulando com a cotação do dólar no mercado. Nenhum dos dois tem muito mais como continuar baixando.

Pelada política

Depois de participar de um coletivo com Dilma Rousseff anteontem, em Fortaleza, Ciro Gomes fugiu da concentração e foi com Romário e Marcelinho Carioca ao micareta do PSB no Piauí. Depois não sabe por que não tem sido convocado pra nada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.