Homens encapuzados matam três pessoas da mesma família em Diadema

Dois suspeitos foram detidos. Empresário e seus dois filhos foram assassinados com tiros de vários calibres; polícia procura imagens de câmeras para ajudar na investigação

Tiago Dantas, O Estado de S. Paulo

25 de julho de 2013 | 15h19

Atualizado às 18h01

SÃO PAULO - Três pessoas foram mortas dentro de casa em Diadema, na Grande São Paulo, na manhã desta quinta-feira, 25. Uma quarta vítima ficou ferida e estava internada em um hospital de São Bernardo, no ABC, nesta tarde. Dois suspeitos foram detidos esta tarde em Santos, no litoral, segundo a polícia. Outras três pessoas estão sendo procuradas.

Testemunhas contaram à polícia que três homens encapuzados invadiram a casa da família por volta das 6h20. Com armas de diferentes calibres, eles atiraram nas vítimas mas, aparentemente, não levaram nenhum pertence. O empresário Dionilson de Lima Soares, de 48 anos, e o filho dele, Fábio Vieira Soares, de 23, morreram no local.

O outro filho do empresário, Flávio Vieira Soares, de 26, morreu a caminho do hospital do município. A namorada de uma das vítimas, uma jovem de 25 anos, foi atingida pelos disparos, mas não corre risco. O trio de assassinos pulou o muro da casa e entrou em um Honda Fit prata, onde já estavam duas pessoas. 

A polícia requisitou o computador da família onde ficam armazenadas as imagens da câmera de segurança da casa para tentar encontrar pistas sobre os criminosos. Investigadores tentam descobrir, também, as causas do crime. O empresário era dono de uma empresa de entregas na região de Santo Amaro, zona sul da capital.

Tudo o que sabemos sobre:
homicídiodiademacasa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.