Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão

Homenageando Salvador, Unidos do Peruche empolga na avenida

Escola apostou em carros alegóricos luxuosos e integrantes com coreografias bem ensaiadas; o enredo fácil de cantar conquistou o público

Alexandre Hisayasu, O Estado de S.Paulo

26 Fevereiro 2017 | 00h51

SÃO PAULO - A Unidos do Peruche decidiu homenagear Salvador no desfile que ocorre na madrugada deste domingo, 26, com o enredo A Peruche no maior axé, exalta Salvador, cidade da Bahia, caldeirão das raças, cultura, fé e alegria. Carros alegóricos que apostaram no luxo com integrantes em coreografias bem ensaiadas e um enredo fácil de cantar, fizeram o público se empolgar com a escola.

No ano passado, a escola quase foi rebaixada para o grupo de acesso por causa da modelo Ju Isen, que ficou nua durante o desfile e foi retirada da avenida.

A escola tem à frente da bateria o Mestre Cassiano Vinicius Pereira, tem como intérprete oficial Toninho Penteado e como Rainha da Bateria, Stephanye Cristinne. O enredo, segundo contou o presidente Sidney de Moraes, foi idealizado pelo carnavalesco Murilo Lobo. As belezas naturais, a gastronomia, a religiosidade, as músicas e o próprio carnaval devem ser homenageados pelos integrantes e pelos carros alegóricos. 

Salvador e a Bahia ainda vão voltar ao Anhembi no samba-enredo da Vai-Vai, comandada por um presidente soteropolitano, Darli Silva. Ele trará a principal homenagem da noite, à Mãe Menininha do Gantois - ialorixá do Brasil. Império de Casa Verde, Dragões da Real, Vai-vai, Nenê de Vila Matilde e Rosas de Ouro ainda passarão pela avenida nesta noite.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.