Homem fica entalado em chaminé ao invadir bar em SP

Alertados pelos gritos de socorro, vizinhos chamaram os bombeiros para retirar o ladrão

JB Neto e Ricardo Valota, do estadao.com.br,

23 Fevereiro 2010 | 04h30

 

 

SÃO PAULO - Na madrugada desta terça-feira, 23, um suspeito, identificado como Francisco José Bastos de Almeida, de 19 anos, ficou mais de 1 hora entalado na chaminé de uma churrasqueira de um bar na altura do nº 286 da Rua Campo Comprido, na Vila Romero, região do Mandaqui, zona norte de São Paulo.

 

Ao entrar na tubulação com a intenção de acessar o interior do bar, Almeida acabou entalado, ficando apenas com os pés à vista na churrasqueira. Vizinhos do bar, cujo dono mora no pavimento superior, ao ouvirem os gritos por socorro, acionaram a Polícia Militar pensando que o comerciante passava mal.

 

Bombeiros também foram acionados minutos depois após o rapaz ser flagrado preso na chaminé. A equipe de resgate chegou no local à 1h20 e, meia hora depois, retirava Francisco da estrutura.

 

Moradores da Rua Campo Comprido afirmam não conhecer o rapaz, que não estava armado. O caso foi registrado no 13º Distrito Policial, da Casa Verde.

 

Bombeiros precisaram quebrar a churrasqueira

 

Francisco José Bastos de Almeida passou mais de uma hora preso na chaminé

Mais conteúdo sobre:
ladrão chaminé

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.