Homem é preso pela 2ª vez por furtar micro-ondas em Mauá

Jovem de 18 anos chegou a ficar detido por 21 dias em um CDP por causa do primeiro furto

Daniela do Canto, do estadão.com.br,

05 Fevereiro 2009 | 05h45

Um homem foi preso pela segunda vez no espaço de um mês acusado de furtar o mesmo micro-ondas de uma instituição em Mauá, no Grande ABC paulista, noite desta quarta-feira, 4. Depois de passar 21 dias no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Santo André por ter furtado o eletrodoméstico da Associação Beneficente Educacional Abedabe, que atende famílias carentes, Paulo Couto Naboa, 18 anos, voltou ao local na noite de quarta-feira, 4, furtou o aparelho novamente, mas foi capturado pela Guarda Civil Metropolitana (GCM) mais uma vez. De acordo com as informações da GCM, Naboa foi à instituição, que fica na Rua Professor Enio Brancalion, acompanhado do seu irmão, ainda não identificado pela polícia. Ele pulou o muro e arrombou a porta do imóvel para furtar o eletrodoméstico. No momento em que deixou o local, por volta das 22h55, uma viatura da GCM fazia um patrulhamento de rotina pela área. Quando viu os guardas, Naboa jogou o forno no chão e correu, mas foi capturado. Ao ser preso, ele afirmou que gostou do micro-ondas e por isso voltou para buscá-lo. O irmão do acusado entrou na favela Cerqueira Leite e conseguiu fugir. O caso foi registrado no 1º Distrito Policial de Mauá.

Mais conteúdo sobre:
furtoMauápolicial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.