Rafael Arbex/Estadão
Rafael Arbex/Estadão

Homem é morto após reagir a arrastão nos Jardins

Crime aconteceu na noite desta sexta-feira, 10; suspeito de participar do assalto, um adolescente foi detido após perseguição policial

Redação, O Estado de S.Paulo

11 de setembro de 2021 | 12h05

SÃO PAULO - Um homem de 42 anos foi morto na noite desta sexta-feira, 10, após reagir a um arrastão na região dos Jardins, localizada na zona oeste de São Paulo. Suspeito de participar do crime, um adolescente foi detido na zona sul da cidade após perseguição policial.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado, o arrastão aconteceu na Alameda Ministro Rocha Azevedo, no bairro Jardim Paulista. Em duas motos, três criminosos armados abordaram ao menos 12 pessoas e roubaram seus celulares. Os assaltantes fugiram do local.

Uma das vítimas do arrastão, um homem de 42 anos reagiu à abordagem dos assaltantes e sofreu disparos de arma de fogo. A SSP informou que ele chegou a ser levado pelo resgate ao Hospital das Clínicas, mas não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo.

O caso foi registrado no 78º Distrito Policial. Segundo boletim de ocorrência, após rastreamento de um dos celulares roubados, dois suspeitos foram localizados em uma moto e tentaram fugir ao perceber a aproximação da viatura.

Durante perseguição, o condutor da moto perdeu o controle do veículo e caiu. O homem que estava na garupa conseguiu fugir, mas um adolescente de 17 anos, que já tinha passagem pela polícia, foi detido por volta de 22h30 no bairro Jardim Miriam, zona sul da cidade. A polícia segue investigando o caso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.