Prefeitura de São Paulo
Prefeitura de São Paulo

Homem é encontrado morto preso em lança de grade de parque na zona norte

Caso no Parque Rodrigo de Gásperi aconteceu dois dias depois de assassinato de menina de 9 anos no Parque Anhanguera

Felipe Cordeiro, O Estado de S.Paulo

02 de outubro de 2019 | 08h17
Atualizado 03 de outubro de 2019 | 17h52

SÃO PAULO - Um homem foi encontrado morto, preso na lança de uma grade, no Parque Rodrigo de Gásperi, conhecido como Parque da Lagoa, zona norte de São Paulo, na manhã desta terça-feira, 1º. 

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP) do Estado de São Paulo, o ajudante de pedreiro Edson Bento da Silva, de 46 anos, foi achado já sem vida por pedestres, pendurado na grade que cerca o parque, com perfurações profundas. De acordo com a Polícia Militar, a lança atingiu a barriga do homem, próximo ao tórax.

Ainda não se sabe se o homem foi vítima de violência ou se morreu ao tentar pular as grades do parque localizado na  Avenida Miguel de Castro, na Vila Zatt, região de Pirituba. O Instituto de Criminalística (IC) e o Instituto Médico Legal (IML) foram ao local para realizar exames que determinarão a causa da morte.

O caso foi registrado no 87º Distrito Policial (Vila Pereira Barreto) como morte suspeita

A ocorrência no Parque da Lagoa aconteceu dois dias depois de uma menina de 9 anos ter sido encontrada morta no Parque Anhanguera, também na zona norte, amarrada em uma árvore. 

Nesta terça, a Polícia Civil informou que um garoto de 12 anos confessou ter assassinado Raíssa Eloá Caparelli Dadona.

Aos policiais, ele primeiramente afirmou que apenas acompanhava a menina quando um homem de bicicleta chegou e cometeu o crime. Mais tarde, no entanto, ele voltou a relatar o que afirmara aos pais: que havia matado a colega.

O menino e a vítima moravam na mesma rua, no Morro Doce, zona norte. Os vizinhos estão assustados com o homicídio e ainda céticos sobre a capacidade do garoto executar a ação de forma tão brutal - a criança foi encontrada pendurada pelo pescoço, com uma corda, e o corpo bastante machucado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.