Brittany Sowacke/The New York Times
Brittany Sowacke/The New York Times

Homem é condenado após roubar motorista de aplicativo

Bandidos chamaram vítima por celular, mas foram pegos por policiais no caminho

O Estado de S.Paulo

01 Maio 2017 | 09h00

SÃO PAULO - Um homem foi condenado a cinco anos e quatro meses de prisão por ter roubado o veículo e o celular de um motorista de transporte por aplicativo (do tipo Uber).

De acordo com a denúncia, no momento do roubo o acusado estava acompanhado de três adolescentes. Eles chamaram o motorista pelo aplicativo e, em seguida, cometeram o assulto. O carro foi pego por policiais minutos após o crime.  Os adolescentes não tiveram nenhum tipo de condenação, já que, segundo o juiz Klaus Marouelli Arroyo, "não há prova de que eles tenham sido corrompidos em razão dos fatos ou que já não o eram anteriormente".

 

Mais conteúdo sobre:
Uber SÃO PAULO

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.