Homem desaparece após cair no Rio Tietê, na zona oeste de SP

Aos policiais, irmão da vítima disse que desaparecido foi golpeado com tacos de madeira antes de cair em uma vala

Felipe Resk, O Estado de S. Paulo

20 Dezembro 2014 | 18h19

SÃO PAULO - Um homem desapareceu após cair no Rio Tietê, na zona oeste da capital paulista, na manhã desta sexta-feira, 19. A vítima teria sido agredida com golpes de taco de madeira antes de cair em um vala.

O caso aconteceu por volta das 6h, na Avenida Nicolas Boer, região da Barra Funda. Em depoimento aos policiais, o irmão do desaparecido, um garçom de 25 anos, teria informado que os dois se envolveram em uma briga durante uma festa e o seu irmão teria sido agredido com um soco.

Após a confusão, os dois saíram a pé da festa em direção à Ponte Julio de Mesquita Neto, informa a Secretaria de Segurança Pública (SSP). No caminho, eles teriam sido surpreendidos por quatro veículos, segundo relato da testemunha aos policiais. O garçom também disse que várias pessoas desceram dos carros com tacos de madeira e passaram a bater neles.

A vítima teria tentado escapar, quando foi golpeada. Ao se desequilibrar, o homem teria caído em uma vala do Rio Tietê. O Corpo de Bombeiros foi acionado e realizou buscas na região, mas não conseguiu encontrar o desaparecido.

Registrado no 23º Distrito Policial (Perdizes) como lesão corporal e desaparecimento, o caso foi comunicado ao Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

Mais conteúdo sobre:
Violência São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.