Hidroavião explode no Rio Negro e deixa três feridos graves

Piloto, copiloto e passageiro foram levados para hospital em Manaus. Aeronáutica apura as causas do acidente

O Estado de S.Paulo

02 Outubro 2012 | 03h07

Três pessoas ficaram feridas na explosão de um hidroavião na manhã de ontem. A aeronave estava decolando do Rio Negro, na comunidade Aruaru, a 50 quilômetros de Manaus, quando apresentou falha mecânica. Piloto, copiloto e passageiro foram socorridos em estado grave por um helicóptero da Aeronáutica e levados para o Hospital 28 de Agosto, na capital amazonense.

A tentativa de decolagem aconteceu às 7 horas de ontem na comunidade ribeirinha. O Comando da Aeronáutica em Brasília não soube dizer qual foi a falha mecânica registrada no hidroavião modelo Blake Lake, de prefixo PT-LJO.

O trio que estava a bordo teve queimaduras de terceiro grau e recebeu os primeiros atendimentos em um posto médico da região. A gravidade dos ferimentos, no entanto, fez com que as autoridades acionassem um helicóptero da Força Aérea Brasileira, que levou o trio para o Hospital 28 de Agosto, em Adrianópolis, centro de Manaus.

Equipes da FAB foram enviadas para o local do acidente para apurar o que teria causado a explosão. / GHEISA LESSA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.