Helipontos fecham por não ter alvará ambiental

Dois helipontos da zona sul do Rio que funcionavam sem licença do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) foram lacrados ontem pela Secretaria de Estado do Ambiente. O que fica no Morro da Urca pertence à Helisul Táxi Aéreo. O outro, no Morro Dona Marta, em Botafogo, é do Instituto Chico Mendes, órgão vinculado ao Ministério do Meio Ambiente. A Helisul disse que analisa o caso para reabrir o mais rápido possível. Os helipontos são usados principalmente para fazer voos panorâmicos de turismo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.