Helicóptero que caiu levava noivo para festa

Danilo não saiu do hospital a tempo de casar, mas parentes e amigos mantiveram a comemoração

NATALY COSTA, O Estado de S.Paulo

21 de agosto de 2012 | 03h03

O helicóptero que caiu anteontem entre Arujá e Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo, levava um noivo para sua festa de casamento. Danilo Everson dos Santos Rosa, de 24 anos, e a mãe, Maria de Lourdes Rosa, de 49, eram levados pelo piloto Rodrigo Batista Lemos para o Sítio Recanto dos Sonhos, onde aconteceria a festa. O helicóptero, que decolou do Campo de Marte, teve problemas no motor a 2 km do local e o piloto teve de fazer um pouso forçado em uma região de mata fechada.

Os três tiveram apenas ferimentos leves e passam bem. O piloto e Maria de Lourdes foram levados ao Pronto-Socorro de Arujá, mas tiveram alta ainda no domingo. Danilo foi levado para o Hospital Santa Marcelina, em Itaquaquecetuba, onde passou por exames e teve alta ontem.

Morador de Guarulhos e torcedor do Palmeiras, Danilo é noivo de Roana Gomes, com quem se casaria às 15h do domingo. Os convidados - tinha até ônibus com parentes de outras cidades - já estavam no local da festa quando o pai da noiva ficou sabendo do acidente.

Segundo o Estado apurou, a noiva e a família ficaram em estado de choque até chegar a segunda notícia: estava tudo bem com os três. Danilo teria alta ainda naquela tarde e chegaria a tempo de casar.

A festa foi retomada com música e tudo e só acabou por volta das 21h, quando a última pessoa da família foi embora. O noivo, porém, não saiu do hospital a tempo de trocar alianças.

Outra queda. O mesmo helicóptero, um Robinson R44 prefixo PT-YPY, já havia se envolvido em um acidente em 2000, quando pertencia à frota da América Air Táxi Aéreo. Hoje, é um helicóptero particular e tem todas as licenças em dia, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

O caso está sendo investigado pelo Serviço Regional de Proteção ao Voo 4 (Seripa 4) e um inquérito foi aberto na delegacia de Itaquaquecetuba.

O último acidente de helicóptero em São Paulo aconteceu em julho na Lapa, zona oeste da cidade. Duas pessoas morreram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.