Haddad promete tirar da gaveta obras antienchente

Um dia após o Minhocão inundar, o prefeito Fernando Haddad (PT) afirmou que está buscando obras e projetos de drenagem que estavam engavetadas para combater as enchentes de São Paulo. "São obras de pequeno porte, que têm finalidade diminuir os pontos de alagamento da cidade", afirmou ontem.

O Estado de S.Paulo

18 Janeiro 2013 | 02h04

As intervenções são estimadas em R$ 140 milhões. Ainda é preciso fazer concorrência pública de obras em bacias problemáticas, que foram adiadas pela última gestão. "Vamos licitar R$ 700 milhões em obras no Aricanduva e no Zavuvus. E fazer uma megadrenagem."

Haddad afirma que a Prefeitura está atuando para melhorar a limpeza das bocas de lobo da cidade. Ontem, de acordo com a Secretaria de Coordenação das Subprefeituras, foram limpos bueiros de cem vias, entre elas a Avenida do Estado.

A Secretaria Municipal de Serviços está estudando mudanças na coleta de lixo da cidade, para evitar acúmulo de detritos. As alterações devem ocorrer principalmente em áreas comerciais, como Brás, Rua 25 de Março e Bom Retiro. / ARTUR RODRIGUES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.